Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

A quem pertence as coisas no espaço?

por em 29/01/2016 | 1 comentário

A quem pertence as coisas no espaço?

Sexta-feira passada, na cidade de São Francisco, durante uma entrevista no StarTalk Radio, o autor do best seller Perdido em Marte, Andy Weir revelou que comprou um pequeno meteorito marciano pela bagatela de 10 mil Obamas que valem mais que Dilmas.

Mas é claro que ele não acreditou na palavra de quem vendia a pedra, e sim de análises geológicas do Meteorito marciano, que comprovou sua veracidade.

Leia mais...

O BitCoin está morto (de novo), vida longa ao BitCoin (de novo)

por em 29/01/2016 | 5 comentários

O BitCoin está morto (de novo), vida longa ao BitCoin (de novo)

E volta o cão arrependido, com suas orelhas tão fartas, com seu osso roído…

Na última semana, um dos contribuidores do projeto Bitcoin, Mike Hear, declarou que “o Bitcoin falhou”, ou nas palavras do nosso post, “A promessa do Bitcoin está sumindo como poeira no vento“. Isso marcou sua saída da comunidade da criptomoeda mais famosa e uma enxurrada de comentários e reações de muitos que tem algo em comum: os que não concordam com a opinião de Hearn e defendem o Bitcoin com unhas e dentes.

Leia mais...

Acabooou! Oracle vai matar o plugin Java

por em 29/01/2016 | 3 comentários

Acabooou! Oracle vai matar o plugin Java

O mundo da tecnologia tem suas peculiaridades, com novidades surgindo todos os dias e tecnologias incríveis aparecendo em garagens de adolescentes movidos a Redbull. Porém, como toda essa tecnologia é voltada para os usuários, tem uma coisa que sempre ocorre – e se você é da área de TI, já deve ter ouvido falar: “Pra que mexer em time que ta ganhando? Se esta funcionando, não precisamos trocar”. É o que vem acontecendo com o Flash, Internet Explorer e mais recentemente com o tão odiado plugin do JAVA.

Leia mais...

Descanse nas nuvens, Marvin Minsky

por em 26/01/2016 | 1 comentário

Descanse nas nuvens, Marvin Minsky

Conhecido por muitos como o pai da inteligencia artificial, Marvin Minsky faleceu aos 88 anos de idade, em virtude de uma hemorragia cerebral.

Minsky sempre pensava no cérebro como uma máquina que pode ser estudada e replicada em um computador, assim podendo entender mais sobre o cérebro e os computadores, como uma mão de duas vias.

Leia mais...
Modo Noturno