Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

Fronteiras no Tempo #56 A Era Vargas parte 4: o fim do Estado Novo e a redemocratização

por em 04/05/2021 | Nenhum comentário

Fronteiras no Tempo #56 A Era Vargas parte 4: o fim do Estado Novo e a redemocratização

O Fronteiras no Tempo volta a contar mais um capítulo da chamada Era Vargas: agora vamos falar sobre a redemocratização após o final da ditadura do Estado Novo. Com um mundo em transformação após a Segunda Guerra Mundial, restavam a Vargas poucas alternativas para se manter no poder, ainda mais tendo em conta o crescimento dos grupos que lhe faziam oposição, especialmente entre os militares. E são dois personagens deste grupo que vão concorrer à sucessão de Vargas. Ouça este episódio, descubra quem são eles e entenda a referência que pusemos na vitrine deste episódio!

Neste episódio:

Conheça quais foram as circunstâncias que levaram ao fim do Estado Novo. Entenda como Vargas atuou para abrir o regime e, ao mesmo tempo, buscou meios de se manter no poder. Reflita conosco sobre o papel dos militares na história política daquele momento. Conheça os candidatos à sucessão de Vargas, seus perfis políticos e atuação durante a campanha eleitoral. Saiba quais foram os principais partidos políticos criados, suas plataformas ideológicas e os principais personagens. Conheça como se deu o retorno de Luiz Carlos Prestes ao cenário político nacional e como foi a atuação do Partido Comunista ao qual ele estava ligado. Surpreenda-se com o Queremismo e o grande apoio que Vargas gozava junto às classes trabalhadoras e como ele soube explorar isso mesmo fora do poder, mantendo seu capital político intacto.

Leia mais...

Fronteiras no Tempo: Historicidade #39 A infância em Frida Kahlo

por em 20/04/2021 | Nenhum comentário

Fronteiras no Tempo: Historicidade #39 A infância em Frida Kahlo

Frida Kahlo é uma das pessoas mais reconhecidas no mundo, seu legado artístico e sua história de vida são fonte de inspiração para movimentos artísticos e políticos. Conversamos com a professora doutora Silvia Mello (UNICENTRO-PR) sobre A infância em Frida Kahlo e pudemos descobrir muito mais sobre esta personagem e como o trabalho da historiadora possibilitou que pudéssemos dar um novo olhar para os trabalhos desta que é, sem dúvida, das artistas mais importantes do século XX.

Neste episódio:

Conheça os diários de Frida Kahlo e como eles servem de fonte para a escrita da história da infância da artista. Entenda como podemos pensar os significados da infância e de que maneiras isso pode ser lido nos escritos de Frida e percebido em suas obras. Entenda a relação da personagem com a Revolução Mexicana, se surpreenda com suas histórias de vida e superação. Por fim, viagem conosco pela sensibilidade e percepções desta artista que, entre o lúdico e o trágico, soube expressar de diversos modos as belezas de viver.

Leia mais...

Fronteiras no Tempo: #55 Para que serve um Museu?

por em 31/03/2021 | Nenhum comentário

Fronteiras no Tempo: #55 Para que serve um Museu?

Olá, amigos e amigas do Fronteiras no Tempo! Afinal, para que serve um museu? É com esta pergunta que partimos para um papo com a profa. Dra. Janaína Mello (UFS), uma grande pesquisadora da área e profunda conhecedora de vários museus mundo afora. Os museus são espaços que guardam parte do legado produzido pelos humanos ao longo do tempo, seja para mostrar suas conquistas, sua identidade, uma história ou até mesmo para que possamos vislumbrar o futuro. Existe museu de tudo, todo mundo já foi a um museu, mas será que compreendemos a importância destas instituições? Venha refletir conosco sobre este tema!

Neste episódio:

Entenda como surgiram os museus e como foram se transformando no que são hoje. Reflita sobre as questões que envolvem a museologia e como atua o profissional desta área para ampliar as experiências de quem visita estes espaços. Compreenda as relações entre os museus, a história, as identidades sociais e culturais. Se surpreenda com a diversidade de tipos de museus e com as histórias que eles contam. Por fim, pense conosco acerca da importância destas instituições e como elas servem a um propósito fundamental para a constituição de uma sociedade consciente de toda a diversidade das produções dos homens e mulheres ao longo do tempo.

#OPodcastÉdelas2021 – https://opodcastedelas.com.br/

Leia mais...

Fronteiras no Tempo: Historicidade #38 Ensino de História e tecnologias digitais

por em 09/03/2021 | Nenhum comentário

Fronteiras no Tempo: Historicidade #38 Ensino de História e tecnologias digitais

Neste segundo episódio da 4ª temporada do Historicidade, no mês em que #opodcastédelas, recebemos a professora e historiadora Vanessa Spinosa (UFRN) para um papo sobre Ensino de História e tecnologias ditais. Todas as professoras e professores, historiadoras e historiadores estão há um bom tempo se envolvendo cada vez mais nas questões que envolvem a forma como aprendemos sobre o passado, seja na escola ou fora dela. E nesse contexto, a difusão das comunicações com o uso de tecnologias digitais tem papel central na nossa reflexão sobre as formas de melhorar a qualidade de ensino. Venham conosco conhecer estas reflexões e ações!

Neste episódio:

Conheça as reflexões sobre as relações do ensino de história com as tecnologias digitais; entenda algumas das questões levantadas nas últimas décadas, veja como se relacionam com a formação de professores no ensino universitário e a atuação destes nas salas de aula nos demais níveis de ensino; compreenda de que forma as pesquisas têm ensejado a criação de formas mais interessantes de ensinar história, aproveitando-se da expansão das comunicações via tecnologias digitais. Por fim, reflita sobre os obstáculos enfrentados por professoras e professores neste processo de mudança nas maneiras de ensinar, e surpreenda-se com os resultados que vêm sendo alcançados e as implicações para o futuro deste campo.

#OPodcastÉdelas2021 – https://opodcastedelas.com.br/

Leia mais...

Fronteiras no Tempo #54 Mitos da Escravização

por em 17/02/2021 | Nenhum comentário

Fronteiras no Tempo #54 Mitos da Escravização

Estamos de volta com o Fronteira no Tempo! E desta vez C. A. e Marcelo Beraba vão debater com vocês a respeito de alguns dos mitos que cercam o processo de escravização dos africanos ocorrido entre os séculos XVI e XIX. Diante de um tema bastante complexo as pesquisas historiográficas têm encontrado cada vez mais formas de entender as relações dentro do sistema escravista, porém, ainda são muitos os enganos e interpretações equivocadas povoando a nossa visão sobre este passado. Venham conosco em mais essa viagem ao pretérito, sempre de olho nas questões do presente em relação a este tema.

Neste episódio:

Entenda os significados da escravidão moderna e as diferenças entre regime e os que existiram em outras sociedades. Reflita sobre o processo de escravização como forma de criação de relações sociais, políticas e culturais no mundo moderno e contemporâneo. Entenda como se desenvolveram as pesquisas históricas, as principais interpretações e autores, e de que forma essas leituras sobre a escravidão moldaram nossa identidade nacional. Analise como a escravidão se relaciona com o desenvolvimento do sistema capitalista. Conheça o processo do tráfico negreiro e, ainda, as diferenças entre a escravidão que existia em África e a que foi sendo criada pela demanda europeia por mão-de-obra. Se surpreenda ao perceber como um sistema que terminou há tanto tempo ainda traz consequências graves para todo o conjunto da sociedade brasileira e, também, de todas as regiões que formavam o que hoje em dia conhecemos como mundo atlântico.

Leia mais...

Fronteiras no Tempo: Historicidade #37 Elites e trabalho escravizado no sul do Brasil

por em 03/02/2021 | Nenhum comentário

Fronteiras no Tempo: Historicidade #37 Elites e trabalho escravizado no sul do Brasil

A história da escravização dos africanos no Brasil está intrinsicamente ligada à formação e consolidação de uma elite política e econômica que, por muitas décadas – e por que não dizer, até hoje – definiu os rumos do país ao mesmo tempo em que acumulava grandes fortunas. Para falar dessa interseção entre diversos aspectos da vida brasileira no passado, especialmente na fronteira sul, recebemos o Prof. Dr. Jonas Moreira Vargas (UFPEL). Venham conhecer essas histórias conosco!

Neste episódio:

Conheça a importância dos trabalhos historiográficos sobre a atuação dos grupos de elite na história e entenda de que forma eles nos ajudam a entender o país. Conheça a indústria do charque que se desenvolveu no Rio Grande do Sul durante o século XIX, como seus produtores ganharam status de elite e de que forma atuavam no cenário político nacional. Entenda como os estudos historiográficos têm dimensionado a riqueza gerada na economia do charque. Surpreenda-se com o papel que a escravização africana teve neste desenvolvimento e como este produto alcançou impactos em todo o mundo atlântico. Por fim, conheça o trabalho e as reflexões que os historiadores fazem quando estão desenvolvendo uma pesquisa e como vai se desenrolando um emaranhado de situações e processos diferentes que formam um quadro cada vez mais completo do passado brasileiro.

Leia mais...
Modo Noturno