Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

Como os microorganismos podem te colocar numa cena de crime

por em 14/03/2016 | 1 comentário

Como os microorganismos podem te colocar numa cena de crime

Numa manhã de verão, o biólogo evolucionista José Lopez tomava café em sua casa, quando dois bandidos escalaram a janela em frente e fizeram o que os invasores costumam fazer: reviraram as gavetas, desconectaram a TV para carregá-la, e tomaram um refrigerante.

Este não foi um assalto comum. Os invasores eram empregados da delegacia local, e o roubo parte de um projeto de pesquisa. Mais tarde, os cientistas forenses coletaram amostras de superfícies e maçanetas da casa. No laboratório da Universidade de Chicago (UC), em Ilinóis, colegas de Lopez isolaram o DNA destas amostras e conseguiram uma sequência em particular, chamada 16S rDNA – sequência bastante conservada na maioria das espécies de bactérias. Ao amplificar e sequenciar estes trechos, os cientistas identificaram as diferentes espécies em cada amostra.

Leia mais...

Teclado curvado da Microsoft para o iOS é muito legal

por em 11/03/2016 | 1 comentário

Teclado curvado da Microsoft para o iOS é muito legal

Um dos pontos mais altos do Windows Phone e Windows 10 Mobile é o Word Flow (fluxo de palavras, semelhante ao Swype do Adroid) do teclado. Ele é bonito e funciona bem com um algorítimo de autocorreção sensível, e uma boa implementação da digitação ao deslizar o dedo. Em meados de janeiro foi noticiado que a Microsoft planeja produzir uma versão deste tecado para iOS e Android.

Leia mais...

Como a ciência chega as suas “verdades”? Reflexões sobre o processo de revisão por pares

por em 11/03/2016 | 2 comentários

Como a ciência chega as suas “verdades”? Reflexões sobre o processo de revisão por pares

Conforme comentei no post onde apresentei o site do Research Gate a vós, nobres bacharéis leitores do Deviante, estou dando seguimento à proposta de apresentar, para quem ainda não conhece, um pouco do lado de dentro da vida de um cientista, direcionando o foco mais especificamente à etapa de publicação dos resultados. Sim, porque ideias e experimentos todos temos e fizemos o tempo inteiro. Todavia, se estas ideias e resultados não forem conhecidos por mais ninguém nem tiverem a chance de serem testados e replicados por outras pessoas, bom, não servem para muita coisa! Portanto, hoje falarei sobre o processo de revisão de um artigo científico e no próximo texto esmiuçarei os detalhes sobre onde publicar seus trabalhos.

Leia mais...
Modo Noturno