Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

Chute 109 – System of a Down e Genocídio Armênio

por em 22/05/2019 em Chutando a Escada, Destaque, Podcasts | Nenhum comentário

Chute 109 – System of a Down e Genocídio Armênio

Recebemos o professor e pesquisador Heitor Loureiro (FMU) que fala sobre o Genocídio Armênio, metodologia histórica e a militância da banda System of a Down. Neste episódio, entenda sobre o silêncio e o negacionismo como poder e o a importância do conceito de genocídio para compreensão de gravíssimas violações dos direitos humanos.

Para apoiar o Chutando a Escada, acesse chutandoaescada.com.br/apoio

Comentários, críticas, sugestões, indicações ou dúvidas existenciais, escreva pra gente em [email protected]

Você pode ouvir todos os episódios do Chutando a Escada no Spotify em: spoti.fi/2NixYME

Ouça a trilha sonora deste episódio em: spoti.fi/2HvFILO

Participaram desse podcast:

Filipe Mendonça – twitter.com/filipeamendonca
Geraldo Zahran – facebook.com/geraldo.zahran
Heitor Loureiro – twixar.me/PTvn

Divulgando:

-Lançamento do livro Genocídio Armênio: Nacionalismo, Silêncio e Direitos Humanos (1915-2015)

24 de maio de 2019, das 15h às 20h, na sala do Conselho Universitário da USP, Rua da Reitoria, 374

Você conhece o podcast ONDEM – O nome disso é mundo, do Filipe Teixeira?

O Heitor também produz o ONDEM Política – O nome disso é Política

Trabalhos citados neste episódio:

LOUREIRO, Heitor; CARNEIRO, M. L. Tucci (Org.) ; BOUCAULT, C. E. A. (Org.) . 100 anos do genocídio armênio: negacionismo, silêncio e direitos humanos. 1. ed. São Paulo: Humanitas, 2019. v. 1. 364

LOUREIRO, Heitor. ‘The Voice of the Armenian People’: Armenian Press in São Paulo (1940s-1970s). Journal of Armenian Studies, v. 2, p. 121-134, 2016.

LOUREIRO, Heitor; ARAPIAN, P. Genocídios, massacres e chacinas: o que o genocídio armênio tem a ensinar às periferias brasileiras. Revista Liberdades, v. 1, p. 57-68, 2015.

LOUREIRO, Heitor. Diálogos entre História e Direito: o conceito de genocídio e o caso armênio. Revista Fórum de Ciências Criminais, v. 1, p. 1-20, 2015.

LOUREIRO, Heitor. Genocídio armênio: uma introdução histórica. Política Externa, v. 23, p. 1-20, 2015.

Sonoras:

100 anos depois, o genocídio armênio ainda é lembrado pelos poucos sobreviventes ainda vivos

-System of a Down, Sardarapat

Trilha:

-Hellscore – Aerials (a cappella cover)
-Chop Suey, Jazz Cover by Robyn Adele Anderson
-Cello Cover by Break of Reality, B.Y.O.B.
-Symphonic Rock, Chop Suey
-Toxicity –  Pirate Anthem Cover by Robyn Adele Anderson
-Chop Suey (The Church Cover)
-System of A Down, Boom!/P.L.U.C.K. / Know / Holy Mountains

Capa do episódio:

Chute 109 - System of a Down e Genocídio Armênio

Modo Noturno