Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

Scicast #91: Lixo

por em 24/07/2015 em Destaque, Scicast | 15 comentários

Scicast #91: Lixo

SciCast_MP3Cover

Boa parte dos atos que a humanidade pratica cotidianamente sem pensar é seguida de outro gesto automático: sobrou, jogou fora. Assim, de latinha em latinha, de saquinho em saquinho, de caroço em caroço, de folha em folha, de caixa em caixa, de celula em celula, enfim, de resto em resto, um cidadão ocidental produz, em média, a cada ano, 500 quilos de lixo urbano.

Um brasileiro é responsável por 378 quilos anuais. E, como lixo é lixo, ou seja, algo de que não se precisa e que não se quer ter por perto, ainda mais porque faz mal à saúde e ao planeta, governos, cientistas, indústrias e a população em geral empenham-se atualmente em encontrar formas de tratar e reduzir sua quantidade – de preferência, ganhando dinheiro com isso.

 

Produção/Apresentação: Silmar GeremiaCoordenação: Fernanda SchusterPauta: Werther KrohlingAugusto Granjeia e Juliana Vilela. Revisores: Tarik Fernandes e Cristian GomesConvidado Especial: Jonathan Babo. Engenharia de Som/EdiçãoSilmar GeremiaArte da Vitrine: Andrew McConnell.

 

Publicidade:

Contato Comercial:

Ajude a levar o SciCast mais longe:

Redes Sociais:

Aperte o pause:

Filmes, Games, Blogs e Vídeos:

O Mundo de Beakman – Episódio 45 – Lixo

O Mundo de Beakman – Episódio 5 – Reciclagem

A História das Coisas: Explica o funcionamento do capitalismo e como as Corporações manipulam governos e pessoas para consumirem cada vez mais. A historia das coisas revela a ideologia por trás do consumismo e a causa das grandes diferenças sociais. A história das coisas mostra também o porquê da nossa sociedade produzir tanto lixo e destruir o meio ambiente.

Wall-E (Andrew Stanton, 2008): Após entulhar a Terra de lixo e poluir a atmosfera com gases tóxicos, a humanidade deixou o planeta e passou a viver em uma gigantesca nave. O plano era que o retiro durasse alguns poucos anos, com robôs sendo deixados para limpar o planeta. Wall-E é o último destes robôs, que se mantém em funcionamento graças ao auto-conserto de suas peças. Sua vida consiste em compactar o lixo existente no planeta, que forma torres maiores que arranha-céus, e colecionar objetos curiosos que encontra ao realizar seu trabalho. Até que um dia surge repentinamente uma nave, que traz um novo e moderno robô: Eva. A princípio curioso, Wall-E logo se apaixona pela recém-chegada.

Futurama (1999-2013), episódio 08 – O mau do século XX: Uma bola de lixo gigantesca do século XXI ameaça cair de volta na Terra, atiçando o Professor Farnsworth contra o seu maior rival, Ogden Wernstrom, em uma tentativa de solucionar o problema.

Recycle: Garbage truck simulator (2014 – PC): Você assume o volante de caminhões do lixo incrivelmente realistas e cruza uma cidade agitada enquanto assume as diversas tarefas de gestão do seu império de gerenciamento de lixo urbano.

Um Ano Sem Lixo: Oi! Eu sou a Cristal Muniz. Tenho 23 anos, sou designer gráfica e estou tentando produzir lixo zero (ou o mais próximo de zero possível) até o final de 2015. Quis tentar esse desafio depois de ler que a Lauren, do blog Trash is for Tossers, estava sem produzir lixo faz 2 anos. Esse blog é pra eu contar como vou, aos poucos, achando alternativas zero-lixo para as coisas que estamos acostumados a fazer. Zero-lixo significa que ou a embalagem é 100% reciclável ou, no caso de alimentos, pode virar compostagem. Mas, além disso, a ideia é buscar alternativas que não usem embalagens, coisas que possam ser feitas em casa com ingredientes naturais, produtos de empresas que se preocupem com o destino das suas embalagens, produtos veganos, naturais, sem ou com o mínimo de químicas possíveis.

Livros:

A História do Lixo