Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

Somos todos poeira estelar

por em seg 28America/Sao_Paulo ago 28America/Sao_Paulo 2017 em Notícias | 50 comentários

Somos todos poeira estelar

Conheci o SciCast muito provavelmente como boa parte de vocês. Recomendação de alguém, “olha que projeto bacana”, “ciência em formato de podcast!”. Já tinha ouvido casts nacionais e internacionais sobre o tema, mas esse parecia ser diferente. Outra pegada, outro ritmo, mais humor. Como boa parte de vocês, me apaixonei pela proposta quase que imediatamente.

De ouvinte a participante foi até rápido. Lembro de uma mensagem do Silmar pedindo pessoas que soubessem a falar sobre China antiga. Minha estreia gravando. Recordo-me até hoje da paciência dele pra que eu configurasse tudo da melhor forma possível com aquela tentativa de headset que eu tinha. E impossível de esquecer como foi esquisito gravar pela primeira vez com aqueles meus amigos que não me conheciam. Aliás, como que eu conhecia tudo sobre aquele host que falava com um sotaque engraçado e morava no interior de Santa Catarina.

Aos poucos, fui conhecendo mais o Silmar. De tudo, o que mais me impressionava era sua doação para o trabalho. Era um perfeccionista. Agenda, edição, qualidade do áudio, pautas, equipe afiada. Orgulhava-se (com razão!) que o SciCast nunca havia atrasado: desde o primeiro episódio, às sexta-feiras, 0:01, no seu feed.

E se doava à equipe. Como se doava. Não serão poucos que dirão o quanto aprenderam, o quanto cresceram fazendo parte do projeto. O quanto se divertiram, investiram seu tempo, dedicação, esforço em um projeto maluco de levar conhecimento de qualidade a dezenas, centenas de milhares de pessoas a cada semana.

Mas mesmo o SciCast ficou pequeno pro Silmar. Ele ambicionava mais. Queria um local onde pudéssemos trazer ainda mais informação, que pudéssemos agregar outros projetos, podcasts, ações na internet. Daí nascia o Deviante, os textos, a parceria com o Meia-Lua e a criação do Miçangas. E ainda assim era pouco, dizia ele. Certa vez, nos confidenciou: “Eu tenho dois objetivos: mudar a forma como a ciência é ensinada; e mudar a forma como o podcast é encarado e consumido”.

Para este segundo objetivo foi além e desenhou o seu mais ambicioso projeto: a CloudRadio, uma nova forma de produzir, distribuir, mensurar e monetizar os podcasts. Contando com o apoio de vários que com ele enxergaram mais longe, começaram a construir essa plataforma que, sem dúvida, mudaria definitivamente a podosfera nacional.

Foi nesta época, inclusive, que nossa relação se alterou sensivelmente. Tendo que ter um maior foco para a CloudRadio e seus outros projetos, entregou ao Tarik, Guaxa, Jujuba e a mim a condução do SciCast e do Portal Deviante. Até hoje me pergunto o que fiz para ganhar sua confiança neste nível; confiança esta que veio com um dos maiores desafios da minha vida (e não uso eufemismo aqui): substituir uma das mais reconhecidas vozes de podcasts nacionais, de um dos mais ouvidos e queridos programas produzidos, mantendo a mesma qualidade, ritmo e humor que um dia me fez começar a ouvi-lo.

E paro aqui para falar sobre esse segundo ponto. Vocês têm noção o que é o Silmar empolgado com algum fato científico? É maravilhoso! Sério, ouçam! Ouçam de novo! A quase todo episódio tem isso. Aquele deslumbramento por um fato novo. Aquela curiosidade de entender o que é aquilo. Aquele assombro, perplexidade e adoração ao que o avanço científico era capaz de explicar, fazer, entender. Esse sentimento, que compartilho em absoluto, é meu ideal, hoje, como host do SciCast. Pois o SciCast é o momento em que a criança, maravilhada, descobre como funciona o mundo. E não se assusta – pelo contrário, quer mais e mais. E isso, sem dúvida, é fruto do Silmar.

Mas mais que tudo isso, mais que a divulgação científica, a diversão, o projeto bem estruturado, a visão, enfim, tudo isso. Mais que tudo isso, o impacto que o Silmar teve na minha vida, nas nossas vidas, tem a ver com a mobilização das pessoas. É inacreditável o tanto de carinho, de saudade, de lamentações, de demonstrações puras de afeto que estamos recebendo desde que soubemos que ele havia voltado a ser poeira estelar. Diz-se que um homem é tão grande quanto às pessoas que ele consegue mobilizar. Silmar era, então, um gigante. Mobilizou pessoas. Equipes. Ouvintes. Admiradores. Fez com que vocês entrassem aqui, às vezes todo dia, querendo mais. Fez com que eu estivesse aqui e conhecesse pessoas inacreditavelmente fantásticas. Fez com que todos o conhecêssemos.

Em seu texto de despedida do SciCast (um dos momentos mais emocionantes do programa, há de ser dito), Silmar termina falando pra nós, sua equipe; oras, pra nós, ouvintes: seu trabalho ali havia se encerrado. Agora, deveríamos caminhar com nossas próprias pernas. “Vai, filho, voa…!”

Silmar deixa sua esposa, Fernanda, que enobreceu diversos episódios do SciCast, esbanjando conhecimento; é dela, também, um dos depoimentos mais emocionantes que o podcast já teve, ao fim do excelente cast sobre Marie Curie – e que, por uma coincidência do destino, é também o episódio em que o próprio Silmar se despedia.

Deixa também sua filha, Maria Eduarda, que por muitos episódios foi a voz que pontuava o início de todo o SciCast ao afirmar, categoricamente, science works, bitch! Sobre a Maria, há de se louvar ainda o incansável trabalho de educadores que seus pais tiveram e têm para incutir, desde cedo, o pensamento crítico, cético e reflexivo em sua filha.

Silmar deixa ainda, claro, todos nós. Órfãos do idealizador desse Portal, desse projeto. Se o SciCast e o Deviante têm esse alcance, essa mobilização, é graças, sem dúvida alguma, ao esforço e dedicação que ele teve ao longo destes anos. Somos herdeiros, pupilos vendo mais novos por podermos estar ver mais longe em ombros deste gigante.

Por fim, Silmar nos deixa essa fagulha. Essa vela acesa em meio a escuridão de ignorância de um mundo assombrado por demônios. Esse dever impossível de ser realizado por mim: de (chegar próximo a) substituí-lo. Essa missão tão árdua quanto importante pra toda a equipe: de continuar levando ciência com qualidade. E essa tarefa pra você, ouvinte, leitor, apoiador, entusiasta da ciência: de continuar propagando a ciência de forma divertida para todos, todos mesmo. Sem exceção.

Até breve, meu amigo. Foi, sem dúvida, um imenso prazer pra mim dividir um planeta e uma época com você.

  • Adriano Alexandrino

    lindo texto do Fernando Malta ao escrever essas palavras eu tbm to chorando de emoção pois assim como ele conheci esse podcast e me encantei. Só no resta continuar em frente e fazer a ciência ser mais divertida a todas as pessoas.

    SO SAY WE ALL!!!
    SO SAY WE ALL!!!
    SO SAY WE ALL!!!

    • Danilo dos Santos Ferreira

      So say we all

    • Marcio Costa

      SO SAY WE ALL

  • Que lindo, bela homenagem!

  • Angelo Moreira

    :(

  • Suzane Melo

    :(
    </3

    Só tenho a agradecer por me dar a honra de fazer parte do Deviante!

  • Matheus Pereira Furlan

    muda a paleta de cores do site pra cores escurar por alguns dias.

  • Maria Tarrafa

    arrancou lágrimas!
    de quem é a tirinha? emocionante!

    • Fernando Malta

      É do Jânio, que faz nossas capas também.

  • Geraldo Junior

    Como a gente fica triste por alguém que nunca tivemos contato e que parecíamos conhecer de longa data. Força a toda a família e equipe.

  • Rodrigo Moralles

    Olhos extremamente hidratados nesse momento =(

  • Gabriel Marquardt Müller

    :(

  • Paulo Roberto Galliac

    Uma grande perda para os divulgadores científicos, SciCast, Deviante, família, amigos e vários fãs ouvintes. Meus sentimentos.

  • Paula Marques

    @⁨Fernando Malta⁩ conseguiu me fazer chorar. Tava segurando até agora.
    Eu tive um acidente de carro. Onde capotei e por sorte não tive muitas sequelas. Fiquei 4h esperando ser resgatada no meio do nada. A única coisa que funcionava no meu carro era o rádio. E nele um pendrive com uma coletânea do scicast. Como trabalhava viajando de carro, o scicast viajava comigo. Nessas 4h, eu fiquei rindo. Me divertindo. Por um momento esqueci, q por muito pouco podia ter morrido. Esqueci as dores q sentia. So tenho q agradecer cada minuto de scicast ouvido. Uma voz de um amigo. Mesmo sem ter conhecido pessoalmente. Como ele mesmo dizia: A vida eh muito curta pra ser pequena. Pra mim, ja tá fazendo falta. 😔

  • Leandro Laia

    Triste, triste, triste …

  • Álex Martins Alves

    Puxa, que notícia triste. Nem posso imaginar como vocês devem estar se sentindo… Meus pêsames à todos! O Scicast foi o terceiro podcast que comecei a escutar e logo tive que maratonar! Sem dúvida vai ser uma perda muito sentida na nossa podosfera.

  • Maurício Birochi Sarti

    Lindo texto Fernando, estava me segurando também e agora estou suando pelos olhos. Vá com Darwin meu amigo que nunca tive o prazer de conhecer, afinal ouço tanto vcs que considero todos amigos. A ciência e o Podcast ficou mais triste hoje.

  • Vinícius Oliveira Lima

    Nossa, fiquei sabendo pelo Sérgio, do Space Today… Muito surpreso, e triste ao mesmo tempo. Um podcast que ouço há anos… Me emocionei na despedida dele do SciCast, e agora mais pela despedida derradeira. Meus sentimentos à família, e a todos do SciCast.

  • Pedro Ramises Martins

    Gente…Que nó na garganta, cara. Obrigado Fernando pelo texto e obrigado SIlmar,por tudo aquilo que significou e ainda vai significar na vida de todos nós, SciLovers.

  • Marcos Keller

    Grande cara, grande perda e grande trajetória.

    Força a equipe!
    Continuem esse caminho com a garra e a força de sempre!

  • Que texto…
    …Fico aqui pensando, foi de desde que entrei na graduação em 2015, que eu conheci o Scicast, e de lá para cá sempre tenho em qualquer dispositivo que eu ande, um episódio. Não tenho palavras bonitas a dizer, não consegui ainda processar essa ida, não o conhecia, somente a sua voz, mas o engraçado é a falta que eu estou sentindo agora.
    Queria poder ter agradecido pessoalmente, mas a vida não me permitiu, então agradeço a todos que o ajudaram a botar para frente tal projeto, e assim proporcionar para muitas pessoas essa luz que é o Scicast.

  • Ricardo Sedano

    Usar lindo para definir esse texto ainda faltaria para alcançar minha real opinião. Excelente homenagem a esta pessoa que nos permitiu ter o scicast. Aprendo muito sobre todas as semanas graças a essa iniciativa dele. Por mais que não tenha tido a chance de agradecer a ele, fica o meu obrigado por isso. Não ouvi o podcast que ele se despede e semana passada pensei em mandar uma mensagem perguntando por ele e hoje descobri essa triste noticia…
    Deixo aqui meus sentimentos aos amigos e principalmente a mulher e filha dele. Força para passar por esse momento tão difícil. Que lembrem sempre da memória dele com orgulho do que ele alcançou e com a felicidade que ele sempre demonstrou no podcast.

  • jorgearkano

    Eu não estou acreditando. Pena gente. Acompanhei e divulguei esse lindo projeto por bastante tempo. Tentando mostrar essa novidade prática para jovens que conheço. Me acostumei com a risada dele. Acabou que fiquei um tempão distante do cast mas vejo que o filho caçula cresceu mais rápido que a Maria. Uma pessoas que acredita verdadeiramente em algo abraça e leva a família junto.

  • Anderson Lima

    Excelente homenagem a esse grande homem que com certeza já esta com a história marcada na podosfera, sim, um dos grandes responsaveis por torna-la melhor. Força a todos da família e tambem da equipe deviante.

  • Tiago

    Eu li o texto para acreditar. Ainda não acredito. Acompanho o scicast desde o 1º episódio. E, …

  • Janaína Martins

    Por um minuto achei que fosse engano… Eu sou apenas mais uma dos milhares de ouvintes que o Scicast mudou a vida, mas queria ter o poder dar conforto e força a família e a toda equipe do Scicast que se tornaram meus amigos a distância em todos esses anos. Eu sinto muito pela perda de uma pessoa tão incrível!

  • Márcio José Pedroso Dias

    A ciência tem que ser divertida.
    Se não for divertida, tem alguma coisa errada.
    A coisa mais divertida que tem é a ciência.

    Essa frase vai deixar um sentimento diferente daqui para frente.
    :-(

  • Digo Freitas

    Bela homenagem. Que o tempo possa curar as feridas dessa perda e mostrar a grandeza dos feitos dele em vida.

  • Cléber

    Chateado

  • Triste isso, deixou um legado fantástico!

  • Bravo!

  • Lucas Costa

    ainda não caiu a ficha, queria poder estar com vocês para poder dar um grande abraço nesse meus amigos de todo cast.
    Silmar foi um grande homem, não sera possível substitui-lo, mas com certeza deixou um legado a ser seguido. Ficando eternizado no cast e em nossos corações.

  • Daniela Danaila

    Silmar, meu amigo Silmarillion #Always <3

  • Rodrigo Braga

    Fencas, com certeza o Silmar se foi sabendo que deixou seu projeto e o posto de host em excelentes mãos.
    Muito obrigado ao Silmar pelo que ele construiu! E muita força à equipe e aos familiares para superar esse momento de dor.

  • Iratuã Júnior

    Que a família ache conforto, pois o Silmar entrou para a história como um grande divulgador da ciências.

  • Jun Ohashi

    Acompanho o SciCast faz muuuuuito tempo. Verdade Fencas, a empolgação dele era contagiante, sempre esperei escutar aquela voz ¨meio esquisita¨ novamente. Conversei com o Silmar apenas por emails, muito solícito e paciente. Um cara do Bem. Taí um cara que vai fazer falta. Obrigado por tudo Silmar.

  • Marcos Moura

    Poxa, sem palavras aqui. Sigo o scicast desde o princípio, mais um daqueles mudos ouvintes, e só posso enviar minhas condolências a família e a nós todos, amigos que nunca (ou quem sabe sim) conhecemos pessoalmente o Silmar.

  • Willian Spengler
  • Ruque_Trepano

    Vai deixar saudades…

  • Rafael Santos

    Apenas gratidão.

  • Lucas Belmino

    Nestes momentos que a gente vê como o podcast acaba te ligando a uma pessoa mesmo sem você a conhecer, consigo sentir bem a tristeza do Malta em suas palavras e tudo este texto reforça todas aquelas características lindas que víamos na personalidade do Silmas. Descanse em paz, herói da divulgação cientifica no Brasil.

  • Daniel Souza de Nonohay

    Estou muito triste com a partida de Silmar. Os ouvintes do podcast, como eu, desenvolvem uma estranha intimidade unilateral com aqueles que ouvem seguidamente. É como se eu tivesse perdido algum amigo. Silmar fará falta, mas será imortal na sua descedência e com a perpetuação das suas ideias e valores. Meus sentimentos à família e aos amigos próximos.

  • João Nunes Rios

    Meu dia começou como quase todos os outros: uma corrida leve com podcast para acompanhar. Aí tomei um soco no estômago quando ouvi a introdução do Costelas e Hidromel #061 onde fiquei sabendo que um dos meus heróis se fora.

    Levei alguns minutos para me recompor e percebi algo simples e importante. Não há forma de honrar mais a memória e o legado do Silmar do que me tornando um patrono. Eu sempre pensava nisso mas ia adiando, adiando… Sabe aquelas desculpinhas que a gente vai inventando? ” Ah mas eu vou ser! Logo logo… Assim que der…”

    Depois que fiquei sabendo que ele se foi, todas essas desculpinhas que já eram pequenas se tornaram insignificantes. Meu lado racional praticamente gritou para meu ego “Seu idiota! Vá fazer um mínimo de contribuição, em respeito pelo trabalho desse pessoal!”

    Estou segurando as lágrimas pois estou trabalhando com clientes ao redor… Um nó na garganta.

    Agora sou um pequeno e humilde patrono com muito respeito e amor pelo Scicast e vou divulgar mais e mais o Scicast e outros podcasts. Não só pelo Silmar, mas também por todo o legado e paixão que todos nós temos pela ciência e por podcasts.

    Obrigado por me fazerem companhia e me ensinar ciência toda semana. Vocês são mesmo especiais

  • Reinaldo Matos

    Ahh não…
    Desde o final de semana, eu estava com correrias e não acompanhei meus feeds no celular… To vendo só agora a notícia… Força pra família e amigos…

    Ótimo texto de despedida, e com certeza, todo o legado dele está em ótimas mãos, porque o trabalho de todos vocês é excepcional.

    “A vida é apenas um vislumbre passageiro das maravilhas que existem no Universo” – Carl Sagan

  • Salem Freitas Ribeiro Junior

    Cheguei a ficar bravo me perguntando pq ele não voltava a ser o host.
    Não sabia do seu estado de saúde, e agora que fiquei sabendo fico triste pq nunca mais vou escutar ele.
    Força Deviantes

  • Cara! Como assim? :(

  • joaosspider Silva

    Muito triste mesmo. Qual foi a causa da morte?

  • YorkshireTea

    Meus sentimentos aos amigos, parentes, colegas e ouvintes.

  • Leonardo

    Tô dando um tempo pra ouvir o novo episódio porque sei que vou ficar mais triste de lembrar que o Silmar se foi. Como algumas pessoas que nunca chegamos a conhecer podem nos marcar tanto ? Força amigos do scicast e que a chama da ciência permaneça viva nos que ficam. Valeu Silmar !

  • Pablo Vinicius

    Eu não conheci o Silmar pessoalmente, mas ele me fez chorar na sua despedida do Scicast e estou chorando agora.
    O scicast faz parte da minha vida faz bastante tempo e ajudou na minha mudança da forma de ver o mundo.
    Certamente o Silmar será lembrado por mim todas as vezes que eu der uma risada ouvindo sobre ciência aqui no Scicast.

%d blogueiros gostam disto: