Faaaaaala galerinha, podem ficar tranquilos pois vocês não estão sendo ameaçados nem nada disso hahaha

Estou eu aqui mais uma vez para falar um pouco sobre o universo para vocês, vamos lá?

Drama Popcorn GIF - Find & Share on GIPHY

Hoje estou trazendo um tema que nem todo mundo chega a se perguntar:

O fim do universo.

Todos nós já estamos carecas de saber que o que a ciência moderna nos diz sobre o nascimento do universo é que ele ocorreu a 13,7 bilhões de anos, com o Big Bang.

Porém, o que nem todo mundo sabe é que a ciência propõe também teorias para o fim do universo, isso mesmo, existem teorias que explicam as possíveis maneira como o universo poderia terminar. E no texto de hoje nós iremos tratar um pouco sobre esse assunto.

Aonde tudo isso vai parar?

Qual será o destino do cosmos?

Crazy Family Guy GIF - Find & Share on GIPHY

Vamos direto ao ponto antes que vocês acabem ficando carecas. Primeiro vamos a uma teoria que já foi descartada pelos cientistas:

The Big Crunch (Grande colapso)

Até meados de 1998, acreditava-se que, em algum momento no futuro, a força gravitacional iria superar a velocidade de expansão do universo adquirida no momento do Big Bang. Porém, nesse mesmo ano, as observação de supernovas de tipo Ia muito distantes revelaram que a expansão do universo estava acelerando.

A observação dessas supernovas garantiram a primeira prova direta da existência da energia escura. Com isso, a teoria do Big Crunch foi descartada.

Imagine que você tem uma bexiga vazia nas suas mãos, digamos que essa bexiga representa o universo. Se você começar a encher essa bexiga de ar ela começará a crescer e crescer e crescer. Esse é o comportamento do universo, está se expandindo.

De acordo com o Big Crunch, em algum momento esse processo de expansão da bexiga(universo) iria parar devido a força gravitacional de toda a matéria existente, planetas, galáxias, estrelas…Imagine agora que você resolveu sugar todo o ar de dentro dessa bexiga. Ela vai começar a encolher, quanto mais ar você tirar, menor ela fica, até ela não poder encolher mais e ficar pequena, concentrando toda a matéria existente num só lugar. esse seria o Big Crunch, toda a matéria do universo iria se atrair mutuamente até se concentrar num único ponto.

Mas, como eu falei lá em cima, essa é uma possibilidade descartada.

Vamos à segunda teoria do fim do universo!!!

Nickelodeon Popcorn GIF by SpongeBob SquarePants - Find & Share on GIPHY

The Big Rip ( O Grande Rasgo)

Como todos sabemos, o universo está em um processo de expansão acelerada. Essa expansão está sendo causada por uma energia misteriosa chamada de energia escura. Nós não conhecemos quase nada sobre essa energia, mas sabemos que ela é o que está fazendo com que a taxa de expansão do universo esteja sempre aumentando.

Uma vez que não sabemos se esse processo irá parar em algum momento, cientistas presumem que chegará um momento no tempo em que o universo irá se expandir de forma tããããão rápida que nem mesmo os átomos que compõem as moléculas fundamentais da matéria terão a capacidade de se manter coesos, causando a desintegração da matéria.

The Big Freeze (O Grande Congelamento)

Um outro cenário bastante aceito para o fim do universo que está relacionado a natureza e efeitos da energia escura é o Big Freeze, ou morte térmica, como preferirem.

Nesse cenário, o universo continua a se expandir a uma velocidade cada vez maior (devido aos efeitos da energia escura). A medida que essa expansão acontece, o calor vai sendo disperso pelo espaço enquanto todas as galáxias, estrelas e planetas são puxados cada vez mais longe um do outro, resultando em um universo cada vez mais frio.

Imagine você vivendo num futuro muuuuito distante, você, como todo bom amante de astronomia, possui um belo telescópio em casa e resolver sair numa bela noite de verão para observar o céu noturno. Porém, ao olhar para cima, você se surpreende, os últimos resquícios de luz de algumas poucas estrelas que eram visíveis no céu se foram, você não é mais capaz de enxergar nada, uma escuridão completa. Tudo estará tão longe que a luz de estrelas distantes e galáxias nunca poderá alcançá-lo.

Eventualmente, toda a matéria existente no universo estaria tão dispersa pelo espaço que o processo de aglutinação de matéria necessário para a formação de novas estrelas iria parar. E, assim, as luzes inevitavelmente iriam embora para sempre.

O universo continuaria a ficar cada vez mais frio até que a temperatura em todo o universo atinja o zero absoluto.

No zero absoluto, todo o movimento cessa. Nada pode existir em tal lugar, pois não há literalmente nenhuma energia. Em absoluto. Em NENHUM lugar.

Este é o ponto em que o universo alcançaria um estado máximo de entropia. Em vez de berços de fogo, as galáxias se transformariam em caixões cheios de remanescentes de estrelas mortas.

Muitos cientistas acreditam que este é um dos cenários mais prováveis para o grande fim.

The Big Slurp

Esta teoria surgiu a pouco tempo, logo após o desenvolvimento do conhecimento sobre o Boson de Higgs. De forma simples, o Boson é a partícula responsável por conceder massa a matéria. Entende-se que essa partícula é responsável por dar massa aos corpos.

Voltando…

O fato de essa partícula conferir massa ao nosso universo faz com que ele exista de maneira intrinsecamente instável.

Devido a isso, no caso de o nosso universo entrar em contato com um universo alternativo com estado de energia diferente do nosso, um evento de destruição cataclísmica seria desencadeado e o nosso universo seria completamente sugado.

E, para piorar, esse é um evento que ocorreria sem avisos prévios, ele poderia ocorrer a qualquer instante em qualquer lugar do universo.

Scared Kermit The Frog GIF - Find & Share on GIPHY

Bom pessoal, vamos encerrando por aqui. Acredito que essas teorias já foram suficientes para dar a vocês um vislumbre do que provavelmente nos aguarda no fim da linha do universo, não é mesmo? A boa noticia disso tudo é que nós não precisamos nos preocupar com esses tipos de evento nem tão cedo, todos eles só existem no campo teórico, mesmo que alguns sejam mais plausíveis que outros.

Abração!!!!!