Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

MeiaLuaCast #092: Tartarugas Ninja

por em qui 09America/Sao_Paulo jun 09America/Sao_Paulo 2016 em Destaque, MeiaLuaCast | 1 comentário

MeiaLuaCast #092: Tartarugas Ninja

Enquanto conversavam, os amigos Kevin Eastman e Peter Laird tiveram a idéia de criar um grupo de heróis mascarados um tanto quanto não-convencionais: Tartarugas Adolescentes Mutantes Ninja.

Os quadrinhos fizeram tamanho sucesso em seu lançamento que os amigos resolveram ampliar o universo delas e emplacaram séries de animação, filmes, brinquedos e videogames que fizeram estrondoso sucesso nas décadas de 1980 e 1990 e que continuam a entregar aos fãs diversas estórias interessantes até hoje!

Aproveitando a chegada de Tartarugas Ninja: Fora das Sombras aos cinemas, André Bacchi, Guilherme Vertamatti (@GVertamatti), Renato Sevegnani (@setsunaryu) e Leandro Valina (@filmesegames) conversam sobre a origem dos quadrinhos, dos personagens e sobre os diversos produtos gerados para essa franquia.

Vitrine MeiaLuaCast Tartarugas Ninja

Vitrine MeiaLuaCast Tartarugas Ninja

Intro: Voz de Bruno Shinkou e Instrumentos de Paulo Henrique Gregio

Comentado no programa:

Envie sua opinião!

Contato comercial:

Seja nosso patrono!

Redes sociais:

Live-streams:

Trilha sonora:

  • Álbum: Flush Your Rolex
  • Artista: Doctor Turtle
  • Fonte: Free Music Archive
  • Licensa: CC BY
  • Álbum: Descent of the Goober Monster
  • Artista: Jesse Spillane
  • Fonte: Free Music Archive
  • Licensa: CC BY
  • John L. F. Silver

    Até quando eu não comento sou mencionado nos comentários ahahahaha.
    Sobre o tema: Nunca esquecerei dos infinitos finais de semana jogando Turtles on Time no SNES junto de meu primo. Na época não tínhamos um SNES então fazíamos pequenos trabalhos durante a semana para alugar um console, o que fez o amor pelo game ficar maior devido ao trabalho que tínhamos para joga-lo. Enfim, nostalgia (suspiro).
    Depois de muito tempo, em 2006 na verdade, descobri que o jogo assim como seus predecessores saiu também para o PC, isso mesmo, rodava em DOS muito feio, mas revivi a jogatina junto de meu irmão mais novo e digo com prazer que ainda eram muito divertidos.
    Sobre eu cantar imagine: bem, mesmo vocês gostando de Naruto acredito que não mereçam essa tortura. Beijos e abraços por trás dos cascos.

%d blogueiros gostam disto: