Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

O que é Meteorologia?

por em 7 07America/Sao_Paulo abril 07America/Sao_Paulo 2017 | 2 comentários

O que é Meteorologia?

A Meteorologia é uma ciência que vai muito além das famosas previsões de tempo. Seu nome significa “estudo dos fenômenos atmosféricos”. Lembrando que atmosfera é a camada de ar que envolve um planeta.

Sim, existem atmosferas em outros planetas além do nosso. Por exemplo, em Júpiter existem ventos de 360 km/h e uma grande tempestade com o tamanho de alguns planetas Terra, conhecida como Grande Mancha Vermelha. Como é formada principalmente de hidrogênio e hélio, não é possível respirarmos por lá.

Leia mais...

SciCast #190: Estado e Nação

por em 7 07America/Sao_Paulo abril 07America/Sao_Paulo 2017 | 24 comentários

SciCast #190: Estado e Nação

Vivemos em um mundo de países e suas fronteiras, temos nacionalidades e sentimentos de pertencimento e amor à pátria, mas… de onde vem isso? Por que o primeiro Estado foi criado? Como definir a evolução história dos países como conhecemos? Qual a relação dos nacionalismos, dos Estados e da guerra? E, mais importante que tudo, será que estamos testemunhando MAIS um golpe no SciCast?!

Leia mais...

O que é Música #08: Você realmente sabe o que são instrumentos musicais?

por em 3 03America/Sao_Paulo abril 03America/Sao_Paulo 2017 | 1 comentário

O que é Música #08: Você realmente sabe o que são instrumentos musicais?

Saudações, ouvintes, e sejam bem vindos à estreia do canal O Que É Música? no Deviante! Meu nome é Victor Camilo, e sou um músico apaixonado por conhecimento. Da união entre esses dois lados surgiu o canal, que é inteiramente dedicado a explorar o universo musical sob o olhar da ciência e da divulgação de conhecimento. E chegamos ao nosso 8º vídeo tentando responder a uma pergunta no mínimo curiosa: o que são instrumentos musicais?

Leia mais...

Contrafactual #16: E se a Atari não tivesse quebrado?

por em 3 03America/Sao_Paulo abril 03America/Sao_Paulo 2017 | 6 comentários

Contrafactual #16: E se a Atari não tivesse quebrado?

A Atari, maior empresa de videogames do mundo nos anos 80, mantêm seu quase monopólio nas Américas e na Europa e vê, sem muita preocupação, a emergência de uma quase desconhecida Nintendo no Japão. Como seria a nova configuração do mercado de joguinhos nessa linha temporal? Que novos consoles e jogos seriam lançados? Será que haveria a entrada de outro concorrente? Poderia o jogo do filme E.T. ser uma obra-de-arte ao invés de uma galhofa suprema?

*Este programa especial, assim como tantos outros projetos vindouros, só foi possível por conta do Patronato do SciCast. Se você quiser mais episódios assim, contribua conosco!*

Leia mais...

SciCast #189: Especial Cavalgada das Valquírias

por em 1 01America/Sao_Paulo abril 01America/Sao_Paulo 2017 | 40 comentários

SciCast #189: Especial Cavalgada das Valquírias

A história é cíclica. Não foi uma, nem duas, nem dez vezes que você já deve ter ouvido este chavão. A história se repete e, por tal, precisamos compreendê-la para aprendermos no presente os erros do passado a fim de evitá-los no futuro. A história é cíclica. E, olhando-a em retrospecto, muitas vezes parecer ser irônica – por vezes um escárnios, noutras uma piada de mau-gosto. Mas é inegável o fascínio que temos por compreender, afinal, de onde viemos.

Tomemos o…  controverso maestro e compositor germânico Wilhelm Richard Wagner. Controverso, veja você, aos olhos de hoje – à sua época, Wagner fora um renomado compositor de óperas, dramas musicais da mais alta estirpe, tendo obras atemporais como o “Coro da Noiva”, o fantástico prelúdio de “Tristão e Isolda”, ou a tetrologia em formato de ópera “O Anel de Nibelungo”. Composta e apresentada entre os anos 1850 e 70, a obra é baseada na mitologia nórdica e germânica e influencia e é influenciada por um momento de necessária construção da identidade nacional alemã, país recém-unificado e fervilhando em um caldeirão de nacionalismo.

Wagner e suas obras foram, por muitas décadas, um exemplo para o povo alemão. A construção forte das raízes míticas deste povo foi trabalhada profundamente na primeira metade do século XX, tendo sido apropriada, por fim, por Hitler – o que leva a muitos, erroneamente, a acusarem o compositor de um “nazista antes de seu tempo”. Tal anacronismo, contudo, é superado por sua obra, que transcendeu o tempo, elevando-o a um clássico da música erudita.

Uma das mais reconhecidas passagem desta grande obra é o prelúdio do terceiro ato da segunda ópera, nomeado de As Valquírias. Neste prelúdio, essas guerreiras nórdicas chegam cavalgando para transportar para o Valhala os heróis caídos em batalha. Uma posição de destaque, de mérito. Mas, como sempre coube historicamente às mulheres, de subserviência. Pois a história, ela é cíclica. Até o exato momento em que deixa de sê-lo.

*Este episódio especial, assim como tantos outros projetos vindouros, só foi possível por conta do Patronato do SciCast. Se você quiser mais episódios assim, contribua conosco!*

Leia mais...