Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

A máscara celeste

por em 02/02/2016 em Ciência, Destaque, Entretenimento | 2 comentários

A máscara celeste

Por toda minha vida eu sempre tive grande interesse na ciência, sempre gostei de aprender como o mundo funciona, como o corpo humano funciona, etc. Mas devo dizer que a astronomia sempre teve um lugar no camarote do meu coração.

Eu também te amo

Eu sei que você também me ama

Quando pequeno, eu lia muito a respeito do universo, planetas, estrelas, constelações, nebulosas, cometas, etc. Cheguei até a ganhar de minha mãe um telescópio amador, não era mega potente, mas era suficiente para ver as crateras da lua, e para ver de leve os anéis de saturno, o que foi algo sensacional para mim, poder ver aquilo com meus próprios olhos ao invés de uma arte conceitual de um livro, senti uma alegria que até nada nem ninguém conseguiu me proporcionar.

Eu não sei dizer porque eu escolhi entrar para a área de T.I., já que eu gosto tanto de astronomia, talvez o fato de ter muito mais cursos disponíveis na área de T.I. e  deles serem mais baratos tenha tido alguma influência nisso. Não que eu não goste de T.I., aliás eu gosto muito e acredito eu que até tenho jeito pra coisa, mas a astronomia te dá uma sensação de desbravador, de ser um explorador do universo, é algo imensurável.

Nos últimos dias foi anunciado de um alinhamento visual de cinco planetas visíveis a olho nu, algo que aconteceu pela última vez há mais de uma década atrás, como pode imaginar eu fiquei extremamente excitado com essa informação, imediatamente comecei a juntar as partes do meu telescópio todo empoeirado, deixei ele em estado de saindo da caixa, mas no momento em que pisei fora de casa me lembrei de um pequeno detalhe que talvez pudesse vir a ser um empecilho.

Quem mora aqui em Brasília sabe como o clima aqui costuma ser bem seco na maior parte do ano, em certas épocas a umidade é tão baixa que ocorre várias queimadas naturais, o ar chega a ficar impregnado com a fumaça (não é um bom lugar para se ter asma), ou seja, o céu é sempre limpo, um deleite para quem gosta de astronomia, mas o tal alinhamento resolveu de dar as caras justamente quando estamos no período chuvoso, está chovendo o tempo todo, e quando não está chovendo o céu está nublado, principalmente a noite.

representação fiel do clima atual de Brasília

representação fiel do clima atual de Brasília

Acho que você imaginar tamanha que foi a minha frustração ao me dar conta disso, madruguei algumas noites na esperança de que o céu abrisse tempo suficiente para eu desse uma espiada, mas não teve jeito, o céu não quis colaborar.

Enfim, a batalha ainda não está perdida, eu tenho aproximadamente até o dia 20 de fevereiro para ver o fenômeno, irei madrugar quase todas noites durante esse período, pelo menos eu tenho o fator férias ao meu favor, e se eu tenho alguma coisa a dizer para o céu é que eu estou de olho nele (desculpa o trocadilho), esse nerd aqui não cai fácil, se eu fracassar ao menos fracassarei com honra.

E quanto a você? Já conseguiu ver o alinhamento? Ou compartilha da minha mesma sina? Por favor deixe seu comentário aí embaixo, eu quero muito saber.

Modo Noturno